31/07/2020

FOSPERJ debate Recuperação Fiscal

Na próxima terça-feira (04/08), às 18h, o Fórum Permanente dos Servidores Públicos do Estado do Rio de Janeiro (FOSPERJ) promoverá uma Live para debater a renovação do Regime de Recuperação Fiscal e o seu impacto na vida do servidor público e da população fluminense. 

Para falar sobre o assunto, o Fórum convida o economista e professor da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), Bruno Sobral; os deputados estaduais Luiz Paulo (PSDB) e Martha Rocha (PDT); e Paulo Lindesay, diretor da Executiva Nacional da ASSIBGE-SN e coordenador do Núcleo da Auditoria Cidadã RJ.

... SAIBA MAIS >>>

24/07/2020

FOSPERJ realiza reunião para seguir com as lutas do serviço público estadual

Integrantes do Fórum Permanente de Servidores Públicos do Estado do Rio de Janeiro (FOSPERJ) realizaram uma videoconferência, nesta sexta-feira (24/07), para dar seguimento às lutas das categorias do serviço público estadual. 
 
Um dos pontos principais da reunião foi a suspensão do pagamento das mensalidades dos créditos consignados, que tem sido uma árdua batalha do FOSPERJ. Esta pauta sofre ainda com a falta de esclarecimentos sobre a efetividade da legislação.
 
O FOSPERJ entende que a paralisação temporária no desconto não traz muitos benefícios se não houve... SAIBA MAIS >>>

 

21/07/2020

Wilson Witzel engana os servidores mais uma vez!

URGENTE! #WitzelGovernoDaFakeNews
 
Quando o governador Wilson Wit ... SAIBA MAIS >>>

 

21/07/2020

Denúncia contra o ministro Paulo Guedes é protocolada na Comissão de Ética Pública

O protocolo da representação contra o ministro da Economia, Paulo Guedes, foi realizado na Comiss ... SAIBA MAIS >>>

Mais notícias >>>
.
 

20/07/2020
Decreto da suspensão dos consignados é publicado no Diário Oficial
SAIBA MAIS >>>

18/07/2020
Em vídeo, Witzel assina decreto que suspende cobrança de consignados
SAIBA MAIS >>>

08/07/2020
FOSPERJ realiza reunião com o presidente da Alerj e deputados de comissões importantes
SAIBA MAIS >>>

07/07/2020
Rioprevidência faz nova operação questionável e afirma que irá garantir o pagamento de aposentadorias até o fim do ano
SAIBA MAIS >>>